Sl 130

Sl 130:1 [Cântico de degraus] Das profundezas a Ti clamo, ó SENHOR.
Sl 130:2 Senhor, escuta a minha voz; sejam os Teus ouvidos atentos à voz das minhas súplicas.
Sl 130:3 Se Tu, SENHOR, vigiares [observando] as iniquidades, Senhor, quem permanecerá de pé?
Sl 130:4 Mas conTigo [está] o perdão, para que sejas temido.
Sl 130:5 Aguardo o SENHOR; a minha alma O aguarda, e espero na Sua palavra.
Sl 130:6 A minha alma [anseia] pelo Senhor, mais do que os guardas [anseiam] pelo alvorecer; [sim], mais do que aqueles, que guardam, [anseiam] pelo alvorecer.
Sl 130:7 Espere Israel no SENHOR, porque no SENHOR [há] misericórdia, e nEle [há] abundante redenção.
Sl 130:8 E Ele redimirá a Israel de todas as suas iniquidades.

LTT: Bíblia Literal do Texto Tradicional Receptus, sem notas